Brasileiro de Pista 2016 // Equipes mostram superação

0
368
brasileiro-de-pista-2016___

Brasileiro de Pista: Disputas equilibradas marcam 1º dia de provas no Velódromo de Maringá (PR). Competição segue até sexta (14).

Os melhores atletas do país chegaram com o gás total para a disputa do Campeonato Brasileiro de Pista Elite 2016. As competições tiveram início nesta terça-feira (11) no Velódromo de Maringá, no Paraná. O primeiro dia de competição ficou marcado pelas provas por equipes que contagiaram o público presente com muita emoção. A competição está reunindo ciclistas de vários estados e segue até a próxima sexta-feira (14).

Representante do país no ciclismo de pista dos Jogos Olímpicos Rio 2016, Gideoni Monteiro mostrou que estava em ótima forma e já conquistou dois ouros. Foi um na prova por pontos e outra na perseguição por equipes. “Competir em Maringá, local onde a seleção treina durante boa parte do ano é como estar em casa. O público sempre nos recebe muito bem e a pista também oferece uma boa qualidade para as disputas. Terminei o primeiro dia com duas medalhas de ouro, mas o nível está bastante alto e ainda promete muitas surpresas”, contou o atleta, que defende a Memorial/Santos/Fupes.

brasileiro-de-pista-2016Equipe Memorial/Santos na prova de Perseguição por Equipes

Completaram o pódio na Prova por Pontos masculina Rafael Rosa (Clube Dataro de Ciclismo), com a prata e Armando Camargo (Memorial/Santos/Fupes), com o bronze. Na Scratch feminina, a experiência também fez a diferença para Janildes Fernandes (Clube Fernandes de Ciclismo). Janildes venceu a disputa contra as jovens Wellyda dos Santos (Memorial/Santos/Fupes) e Ana Paula Casetta (Clube Maringaense de Ciclismo).

Alta competitividade na disputa por equipes

Na prova de Velocidade por Equipes, melhor para os donos da casa. Gabriela Yumi e Carolina do Nascimento colocaram o Clube Maringaense de Ciclismo em primeiro lugar no pódio. Seguidas pela dupla Maira Barbosa e Wellyda dos Santos da Memorial/Santos/Fupes em segundo. Completando o pódio, Nayra Yacy e Nayara Ramos da SMELR/Araçatuba/VZAN em terceiro.

Na prova masculina, mais um ouro para o Clube Maringaense, representado pelos atletas da seleção brasileira: Hugo Osteti e Fernando Sikora, junto com Fernando Borrasca. A prata foi para a equipe do Ciclo Clube Romeo, que teve como integrantes Davi Romeo, Erick dos Santos e Gustavo da Silva. O bronze ficou com o trio da ACE/Neobox/1009/Greenmax /APIS, Ricardo Matos, Vitor Medrado e Kacio Fonseca, também integrante da seleção brasileira.

brasileiro-de-pista-2016_Prova de Velocidade por equipe

O quarteto da Memorial/Santos/Fupes contou com a força de Gideoni Monteiro, Armando Reis, Robson Dias e Endrigo da Rosa. Eles dominaram a prova de Perseguição por Equipes masculina, vencendo com uma boa vantagem. O time da GF Assessoria Esportiva de Curitiba, composto pelos irmãos Ricardo e Fabio Dalamaria, Flavio Sartori e Samuel Stachera. Completaram o pódio em terceiro lugar os atletas da Green Bike de Piracicaba, Erick Garcia, Joel Prado Júnior, Marcos Novello e Alessandro Guimarães.

brasileiro-de-pista-2016__Brasileiro de Pista 2016

A força das irmãs Fernandes

Na mesma prova, mas na elite feminina, as irmãs Clemilda, Janildes e Marcia Fernandes, acompanhadas por Daniela Costa, deram o título para o Clube Fernandes de Ciclismo. O vice-campeonato foi para as meninas do Osasco Cycling Team/Penks/SBCTrans/Studio Pier 88, Adriana Lobo, Luzia de Oliveira, Viviane Lourenço e Jessica Braz, enquanto o bronze ficou com a equipe da FEAC/Franca, formada por Gimena Stocco, Andrea Marques, Danilas Ferreira e Maira Murakami.

Os atletas do Paraciclismo também apresentaram uma bela performance na Perseguição Individual. O título da categoria C2/C3 ficou com Célio Rafael (Clube Maringaense de Ciclismo) enquanto na C5 o ouro foi para Johnatan Mineiro.

O Campeonato Brasileiro de Pista Elite/Sub 23 é uma realização e organização da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e Federação Paranaense de Ciclismo (FPC) com patrocínio da Caixa Economica Federal.

Categorias participantes:

Homens
Categoria Júnior: 18 anos (nascidos em 1998)
Categoria Elite: 23 a 29  anos ou critério técnico
Categoria Sub 23: 19 a 22 anos

Mulheres
Categoria Júnior: 18 anos (nascidos em 1998)
Categoria Elite : 23 a 29  anos ou critério técnico
Categoria Sub 23: 19 a 22 anos

Paraciclismo
Categoria Ciclismo – C2, C3, C4 e C5.

ASSESSORIA DE IMPRENSA
CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CICLISMO
Fotos: Thiago Lemos/CBC

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here